mascote
PUB


Fetiche por seios grandes

Por mais que no Brasil a paixão nacional seja o bumbum (tanto para homens quanto para mulheres, viu?). A cada dia que passa cresce mais ainda o fetiche por seios grandes.

De uma forma geral já é difícil resistir olhar a um belo par de seios fartos, não é mesmo? Tenho certeza de que, seja você homem ou mulher, já se pegou reparando em um belo par de seios. Mas isso não quer dizer que você tenha, necessariamente, fetiche por seios grandes, ok? Pode ser só admiração.

Ou então, se você é mulher, já se pegou pensando em dar uma “turbinada” nos seus seios. Ou ainda, se está satisfeita com o que tem, gosta bastante de admirar e valorizar os seus atributos.

Quem tem o fetiche por seios grandes?

Atração por seios grandes todas as pessoas podem ter. Admiração por eles também. Quem tem o fetiche por seios grandes são aquelas pessoas que têm um desejo absurdo por pessoas que têm seios grandes.

E esse desejo pode ser saudável, como qualquer outro fetiche. Mas também pode trazer problemas caso a pessoa que tem esse fetiche tenha dificuldades em sentir prazer ou atração por pessoas que não tenham esses atributos.

Cabe lembrar que o fetiche por seios grandes também pode ser chamado de mazofilia. Vem conhecer melhor sobre o assunto!

Por que as pessoas têm fetiche por seios grandes?

Bem, o fetiche por seios grandes pode ser explicado de diversas maneiras. Uma delas vem da função primordial dos seios, que é a amamentação. Esse fato pode levar pessoas do sexo feminino e do sexo masculino a sentir atração por seios.

Muitas vezes, essa grande atração pode nem ser relacionada ao sexo ou a questões de vaidade. Algumas explicações científicas são interessantes para que possamos entender o que leva algumas pessoas a terem fetiche por seios grandes. Vem conferir para entender melhor:

1 – Explicando o fetiche por seios grandes via explicações biológicas

Sim, existem explicações biológicas que podem nos levar a compreender porque algumas pessoas têm fetiche por seios grandes. E isso tem relação com um hormônio chamado oxitocina, conhece?

Esse hormônio é produzido pelo hipotálamo e tem algumas funções como:

  • Realizar a estimulação de contrações uterinas (principalmente ao longo do trabalho de parto);
  • Promover a lactação (produção de leite materno);
  • Manter o controle do sangramento ao longo do trabalho de parto;
  • Auxiliar na formação de laços e de afeto entre mãe e bebê recém-nascido.

Por conta desses motivos a oxitocina pode ser conhecida como o “hormônio do amor”. Mas o que isso tudo tem a ver com o fetiche por seios grandes?

Bem, agora vamos começar a essa parte da explicação. A oxitocina não é liberada somente durante a gravidez, o trabalho de parto e a amamentação. Ela também é liberada durante o sexo quando os seios são estimulados.

Seja com carinho, beijos, apertos (de leve, tá?), mordidinhas (de leve também, risos), qualquer estimulação dos seios ao longo do ato sexual é capaz de promover uma maior ligação entre a mulher e o seu parceiro (ou sua parceira).

Se tratando desse assunto ainda existe o fato de que bebês que foram amamentados costumam associar os seios a sentimentos como amor, carinho, aconchego e conforto. A partir daí pode se explicar o motivo pelo qual muitas pessoas ainda podem associar seios fartos a esses sentimentos até a vida adulta, mesmo que de forma inconsciente.

Interessante, não é? São essas as razões biológicas pelas quais muitas pessoas (independentemente do sexo) têm atração por seios grandes. E é fato que essa atração, dependendo do nível de desejo, pode se tornar um fetiche por seios grandes.

2 – Explicando o fetiche por seios grandes via explicações evolutivas

Estamos buscando razões bem profundas e fundamentadas para o fetiche por seios grandes, não é mesmo? É por isso que, nessa parte do texto, trazemos a explicação evolutiva que pode esclarecer porque algumas pessoas têm fetiche por seios grandes.

E vamos começar, mais uma vez, explicando sobre os hormônios produzidos pelo corpo feminino. Você sabe qual é o hormônio responsável pelas belas formas do corpo feminino?

Acertou se disse que é o estrogênio. Esse hormônio é quem faz com que as mulheres tenham as suas belas curvas para exibir. Ele consegue promover um armazenamento de gordura em lugares estratégicos do corpo da mulher, como quadris, bumbum e coxas. E ele também realiza o controle da ovulação.

Bem, mais uma vez aposto que você está se perguntando qual é a relação entre estrogênio, quadril, bumbum e coxas com o fetiche por seios grandes. Bem, de acordo com as questões evolutivas, se acredita que os traseiros arredondados das mulheres mostram (de forma inconsciente) indícios de juventude e fertilidade.

Isso sugere que, por questões de perpetuação da espécie, quando mais redondinho o bumbum, mais seria atraente aos parceiros. Nesse contexto, você já notou a semelhança entre seios bem fartos em um belo decote e um bumbum? Pois é, essa pode ser outra explicação para a atração e o fetiche por seios grandes.

Désirée

Estou aqui para desmistificar os tabus que envolvem desejo, sexo, sexualidade e sedução. Vou te responder tudo o que você pensou em perguntar, mas nunca teve coragem!