PUB
mascote
Banner Favoritos
PUB


Como se preparar para o sexo anal

O sexo anal é um assunto pra lá de polêmico, não é mesmo? Há quem ame, há quem tenha pavor só de pensar, há tem tenha medo dos possíveis “acidentes” que podem acontecer... Mas a verdade é que grande parte dos homens enlouquece com a ideia de penetrar naquele buraco apertadinho, vai dizer que não?

Aquela musculatura firme, apertadinha, que causa sensações maravilhosas no pênis. E, quando a pessoa que está dando o cu está suficientemente relaxada, os orgasmos acontecem de maneira muito intensa, uma loucura! Além disso, tem toda aquela questão do “proibido”, do que não é usual, que faz tudo ficar mais gostoso. Mas, homens, se vocês querem conquistar o cu de alguém, saibam que não é nada fácil e têm que fazer por merecer para que ambas as partes tenham muito prazer.

Com jeitinho e com empenho vocês podem, os dois, ficar fãs do sexo anal e ter mais um jeito de inovar no quarto. Pensa só que delícia saber que pode ter acesso aquele local mágico de vez em quando! Mas, para isso, existem alguns cuidados a serem tomados para que o sexo anal aconteça da melhor maneira possível e todo mundo fique muito feliz!

Homens – O que saber antes do sexo anal

1 – Conquiste o direito de fazer sexo anal

Mas como isso funciona? Trate a sua mulher com carinho, capriche nas preliminares, nos beijos, faça um oral gostoso, masturbe a moça. Quando estiver tudo muito molhado e você perceber que ela está bem excitada, com o dedo bem lubrificado, faça um carinho na parte externa do ânus, vá introduzindo o dedo devagar e pergunte se está tudo bem fazer aquilo. Se ela aprovar, continue estimulando o clitóris e ela vai gozar deliciosamente. Se ela gostou, exponha a sua ideia de fazer sexo anal. Aposto que ela vai ficar louca de vontade com esse orgasmo delicioso!

2 – Nunca a pegue de surpresa!

Por favor, homens, nunca enfiem o seu pênis no cu de alguém sem o consentimento e o devido preparo da pessoa. Nunca! A musculatura não vai estar relaxada, pode causar machucados e traumas bem grandes (já aconteceu comigo de o cara errar sem querer, no escuro, e doeu muito, absurdamente, acabou o clima na hora. E olha que eu gosto de sexo anal, mas, sem preparo, é impossível). Inclusive, pode ainda acontecer de, por um reflexo da surpresa, sair cocô de lá. Ninguém quer isso, né?

3 – Preservativo sempre!

Não é porque não existe o risco de uma possível gravidez que dá para dispensar o preservativo, ok? Afinal, o cu é onde acaba o sistema digestivo, é por onde sai o cocô. Por isso, é um lugar cheio de bactérias que vivem felizes ali, sem causar problemas. Mas, uma vez em contato com os órgãos genitais, podem causar infecções. Além disso, nunca se esqueça que o objetivo principal do preservativo é proteger as pessoas que DSTs, que também podem ser transmitidas pelo sexo anal.

4 – Tenha mais de um preservativo por perto

Pelos mesmos motivos que já falamos acima, nunca tire o seu pênis do ânus da mulher e introduza na vagina com o mesmo preservativo. Troque o preservativo sempre que trocar da porta de trás para a porta da frente, para evitar infecções!

5 – Não é não, pare é pare!

Se a mulher não quiser ou se começarem a penetração e ela pedir para parar, pare! Respeito acima de tudo!

Mulheres – O que saber antes de fazer sexo anal

1 – Certifique-se de que está tudo ok com o seu intestino

Isso é muito importante. Certifique-se de que já tenha ido ao banheiro no dia e de que não está com diarreia, por exemplo. Comidas leves e pouco gordurosas no dia da prática são boas opções.

2 – Higienização

Outra parte muito importante. Afinal, você não quer que o cara esteja amarradão, metendo no seu cu e, de repente, veja um pedaço de cocô indo e voltando agarrado no pinto dele. Por mais que seja natural e possível que isso aconteça, é legal evitar. Por isso, higienize bem a sua região anal, lave externamente o seu cuzinho com sabonete íntimo e, se sentir vontade/ necessidade, faça a famosa xuca.

3 – Fazer ou não fazer a xuca?

Esta prática é abominada por muitos médicos, pois eles afirmam que ela pode tirar a barreira de proteção natural do reto. Cabe a você decidir se quer ou não fazer. Se optar por fazer, lembre-se que não deve ser uma prática diária. Só faça uma vez ou outra, em ocasiões especiais. Ela pode ser feita de duas formas:

  • Com o chuveirinho: tem que ser aqueles chuveirinhos de ponta fina, ok? Com a água bem morninha, você introduz o chuveirinho lá dentro, dá uma jato de água e tira. Vai fazendo isso até a água sair limpa (lembre-se: o reto pode ter cocô, então a água vai começar saindo marronzinha, tá? Normal, não precisa ter nojo);
  • Com a ducha íntima: existem umas duchas apropriadas para lavagem vaginal e intestinal. Se o seu chuveirinho não tiver a ponta fina, compre uma dessas na farmácia. Elas vêm com uma “mangueirinha” fina e uma grossa. Utilize a fina. O processo é basicamente o mesmo: coloque água morna dentro da bombinha da ducha, introduza a ponta no ânus e dê um jato e espere a água sair. Vá fazendo isso até a água sair limpa.

Obviamente, você só vai fazer se se sentir confortável. É plenamente possível fazer sexo anal sem, necessariamente, fazer a xuca.

Désirée

Estou aqui para desmistificar os tabus que envolvem desejo, sexo, sexualidade e sedução. Vou te responder tudo o que você pensou em perguntar, mas nunca teve coragem!

Cadastrar Conta Grátis