mascote
Banner Mensagem Entrada 3
PUB


Golden Shower

Se você mora no Brasil aposto que, nos últimos tempos, notou que o termo Golden Shower tem sido bastante citado. Tudo por causa de algumas postagens feitas pelo atual Presidente da República em seu perfil de uma rede social falando sobre a prática.

Isso tudo aconteceu logo após o Carnaval e, polêmicas à parte, o que mais me surpreendeu foi que muitas pessoas nem sabiam o que isso significa. E você, sabe? Vem cá que vou te explicar...

Pois então, em sua tradução literal, Golden Shower significa chuveiro dourado, fez algum sentido para você? E se eu te disser que ela também é designada pelo nome urofilia? Ainda não fez sentido? (risos) Então vou te explicar de outra maneira: é uma prática na qual, durante o ato sexual, se envolve urina (por isso, banho dourado) em diversos aspectos. E isso não é a título de tortura, e sim por prazer/ tesão em ter contato com a urina do (a) parceiro (a) ou então em urinar no parceiro.

O mais interessante é que, realizando a pesquisa para esse texto, vi que existem muitas pessoas que têm esse fetiche, mas nunca expressaram (ou têm medo de expressar) aos parceiros por medo do que o (a) parceiro (a) vai pensar sobre o assunto. Inclusive, muitas pessoas procuram profissionais do sexo por isso. Mas estamos lidando com excretas do corpo, né? Qual seria a melhor maneira de praticar? É seguro? Como fazer? Vamos resolver essas dúvidas nesse texto!

A prática do Golden Shower

De uma maneira prática, o Golden Shower envolve a urina em diferentes aspectos, normalmente envolvendo o ato de receber um jato de urina ou urinar no (a) parceiro (a). Esse jato de urina pode ser feito em diversas partes do corpo: peito, barriga, pés, ânus, vagina e até na boca! Tudo de acordo com a vontade e o consentimento de ambas as partes, obviamente.

Algumas variações da prática não envolvem diretamente urinar na outra pessoa, mas sim em assistir o parceiro fazendo xixi e se excitar com isso, sentir o cheiro e o gosto da urina. Existe também quem se excite em ver o (a) outro (a) urinando das roupas ou na cama, ou então sentindo o cheiro de roupas urinadas. Tudo isso pode envolver dinâmicas de submissão e dominação, voyeurismo e exibicionismo, humilhação e infantilização.

Quero fazer, mas tenho medo

É muito comum que as pessoas tenham uma vontade reprimida de experimentar o Golden Shower e não o faça por ter várias dúvidas. Então, vamos abordar algumas das principais dúvidas para esclarecer a situação:

  • Urina é sujo? Se a pessoa é saudável, a urina não é tóxica. Tem 95% de água em sua composição, ureia (que dá o cheiro de xixi) e algumas outras substâncias não nocivas. Se a pessoa não tem boa higiene, pode acumular na urina vírus como os da herpes e da hepatite B, por exemplo.
  • Posso beber urina? Se a pessoa é saudável e você consumir a urina em moderação, não faz mal algum. Só fique atento (a) pelas altas concentrações de sais minerais que serão ingeridas e podem causar irritação no sistema digestório ou sobrecarregar os rins. Compense isso bebendo muita água após o ato.
  • E as DSTs? O HIV, por exemplo, não é transmitido pela urina. Clamídia e gonorreia são casos que ainda estão sendo analisados se podem ser transmitidos pela urina ou não.
  • E os riscos de urinar ou receber urina no ânus? Há quem goste dessa relação de urina/ bumbum ou até urinar dentro do ânus na penetração, trazendo os riscos de DSTs que qualquer penetração envolve. Além disso, podem haver irritações internas e um risco para a pessoa que recebe essa urina, pois o organismo irá absorver os seus componentes.

Animei de fazer! Quais as dicas?

Conversou com seu (sua) parceiro (a) e vão testar o Golden Shower! Como fazer para a prática ser uma delícia e vocês quererem repetir a dose?

  1. Estejam em sintonia, o mais importante de tudo é os dois quererem;
  2. Beba muita água antes. O termo pode até se chamar “Golden Shower”, mas quanto mais diluída a urina, melhor! Pelo mesmo motivo, não faça com o primeiro xixi do dia.
  3. Evite alimentos que podem deixar o gosto e o cheiro da urina mais fortes (alho, carne, shakes proteicos, abacaxi, cerveja, suplementos de vitaminas e morango são alguns exemplos).
  4. Aproveite o box do chuveiro para fazer é mais fácil de higienizar o local e de se higienizar.
  5. Tenha paciência. Pode ser difícil “soltar” a urina quando se está condicionado a segurá-la quando está excitado (a) e também pelo fato de estar o fazendo da frente do (a) seu (sua) parceiro (a).
  6. Advertências: cuidado com feridas na pele, a urina pode irritá-las ainda mais.
  7. Novamente: se beber urina, beba bastante água depois.
  8. Divirta-se muito!

Meu (minha) parceiro (a) quer e eu não quero

Primeiramente, saiba que essa é uma prática que, por mais que pareça estranha, é muito comum. Muitas pessoas têm esse feitiche e praticam. Mas se você leu todo o texto e chegou até aqui com a certeza de que tem aversão e não quer tentar, não se sinta obrigado (a). Converse com o seu (sua) parceiro (a) com toda a sinceridade e explique o que pensa, para que vocês consigam se resolver.

Só pense bem, se for um relacionamento sério, se vale a pena continuar com uma pessoa que não tem as fantasias sexuais alinhadas com as suas. Afinal, o sexo é parte muito importante da relação e pode acontecer de ele (ela) procurar quem realize as fantasias que você não irá realizar. Ou então que fique de tempos em tempos tentando te convencer a fazer e você se sinta mal por não querer. O importante é se sentir bem.

Désirée

Estou aqui para desmistificar os tabus que envolvem desejo, sexo, sexualidade e sedução. Vou te responder tudo o que você pensou em perguntar, mas nunca teve coragem!

Cadastrar Conta Grátis